domingo, 3 de março de 2013

A redenção dos gênios ou Bronha, nosso herói!

Banda The Rippes (os bêbados) no equipo
do Bronha, no bar Chamusquim Power Rock

Não precisamos ir muito longe (ao Estado do Mississipi/EUA ou aos subúrbios de Londres) para fazermos parte da história do rock and roll... Nossas histórias se confundem entre acordes do inferno e contra baixos pesados no bumbo da batera, marcando quando preciso e crescendo nos rifes de guitarras endiabradas nos velhos e bons rocks de garagem que nós mesmos organizamos.

Pois é, estamos falando de tantos e tão bons. Estamos falando do Bronha, do Danilo De Bona (esse, ninguém conhece!), que é considerado por muitos um mito do rock suburbano, porque é a esse meio que pertencemos, e temos nosso próprio hall da fama do rock and roll.

Mas quem é esse cara? Pois é galera, poderia começar dizendo que se trata de um cara gordinho com o nariz nervoso, mas até a galera punk concorda: Bronha, esse cara é você!


Banda Harmonia Turbulenta no equipo
do Bronha, no bar Chamusquim Power Rock


Poucas coisas se fazem por amor, e são poucos os que têm a coragem que esse cara tem, mantendo seus equipamentos à disposição da galera, juntando bandas boas e desconhecidas e seu público fiel, abrindo as portas do inferno pro rock ser bem ouvido. Valeu Bronha, você faz parte do nosso hall da fama do rock and roll, e ninguém tem nada com isso!!!

Foi ouvindo Litle Wing, do Hendrix, tocada por Clapton e Winwood que escrevi essas poucas palavras de apoio aos mecenas do rock and roll do subúrbio.

Vida longa ao subúrbio! Vida longa ao rock! Vida longa ao Bronha! Cessam aqui as palhetadas do diabo. Até a próxima, do seu editor do capeta (e os evangélicos ficam putos!).


16 comentários:

  1. poxa, nem falou do harmonia nem da outra banda ai...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigão, a matéria não é sobre o evento.

      Excluir
  2. poxa...e vc fala do bronha mas não tem nem foto dele, nem link para contato. Ao menos coloca um link pra contato.
    http://www.facebook.com/danilo.debona?fref=ts
    e falar da banda do cara ajuda tb.
    http://www.facebook.com/BandaInMind

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não pedi autorização, nem ele se apresentou com sua banda, não me proponho também a fazer propaganda. Apenas resenhas musicais.

      Excluir
  3. Pow, não falou das bandas q tocaram. Sem comentários sobre o Harmonia e o The Rippes. Ficou faltando...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me desculpa aê parceiro, mas o objetivo da resenha era apresentar o Bronha enquanto incentivador da cena e não como empresário ou componente de banda.

      Excluir
  4. em breve fotos do bronha

    ResponderExcluir
  5. O loco, a matéria é sobre rock de garagem, não ´pe sobre a banda do Bronha, sobre as bandas que tocam em seu equipo ou sobre aquele evento maluco...

    ResponderExcluir
  6. Esse idiota jogou o microfone no chão, vocês nunca mais vão tocar no chamusquin, Luanny no vocal?
    É o fim da picada mesmo, o que não se faz por um bonitinho rabo de saia.

    ResponderExcluir
  7. A pessoa ao invés de crescer, fica perdendo tempo com inveja.

    ResponderExcluir
  8. Intelectualmente falando.. Uma bosta!

    ResponderExcluir
  9. keoskokeoksokeoskokes

    ResponderExcluir
  10. Respostas
    1. Obrigado pela participação, Moscon... Volte sempre às Palhetadas do Rock!

      Excluir
  11. Um lesão esse JAques

    ResponderExcluir

As palhetadas agradecem. TUDO PELO ROCK!

Postagem em destaque

Raul Seixas From Hell

Raul Seixas, From Hell Acima, o guitar man Wilson dando um toque no Raul. É ou não é from hell? Raul Seixas revisitado e...